Alunos do MPET realizam a III Mostra de Aplicações de TIC’s no Ensino

No  dia 19/09/2018 (quarta-feira), no Auditório do CDI-II do Instituto Federal do Amazonas – Campus Manaus Centro, os alunos do MPET, Turma 2018, realizaram a III Mostra de Aplicações de TICs no Ensino que teve como temática “Produtos e Tecnologias no Ensino”.
No evento, os alunos apresentaram o resultado dos  trabalhos desenvolvidos em duas disciplinas do mestrado (Ensino e TICs e Aplicações da Tecnologia no Ensino) com vistas a aproximação da Pós-Graduação com Educação Básica e Superior e também a inserção social das atividades desenvolvidas no âmbito do mestrado.
No total, sete trabalhos foram apresentados:
* Programação e Aplicações no Ensino-Aprendizagem de Física. Resultado de um trabalho realizado pelas mestrandas Karen Magno e Euza Lima com estudantes da Licenciatura em Física do IFAM/CMC. Este trabalho teve por  objetivo capacitar os licenciando para a utilização da programação com Scratch para resolução de situações-problema. Para maiores informações acesse o link.
 * Stop Motion aplicado ao Ensino de Ecologia. Resultado de um trabalho realizado  pelos mestrados Afonso Santos, Nívea Santo e Cilene Alvim com estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental do Instituto Hilda Ferreira. O trabalho teve por objetivo promover a aprendizagem de Ecologia utilizando a técnica Stop Motion para retratar um dos principais problemas de saúde pública do Brasil –  a dengue. Outras informações podem ser obtidas aqui.
Stop Motion aplicado a Interpretação de Literatura Amazonense. Resultado do trabalho desenvolvido pela mestranda Luciana Souza com estudantes do 3o ano do ensino médio do IFAM/CMC. Neste trabalho, os alunos criaram vídeos animados a partir da técnica de Stop Motion para “narrar”, por meio das animações, textos das Literatura Amazonense. Maiores informações podem ser obtidas neste link.
*  Stop Motion aplicado a Representação de Mitos Indígenas. Trabalho realizado pelas mestrandas  Erismar Nunes, Giovana de Oliveira e Katia Cilene Silva com Professores Indígenas de diferentes etnias ( Karapãna, Ticuna, Báre, Apurinã, Satere Mawé, Kokama e Tucano), por meio de uma parceria com a SEMED – Manaus. Neste trabalho os professores aprenderam a técnica Stop Motion e a aplicaram na criação de vídeos animados para “narrar” mitos indígenas. O objetivo foi capacitar os professores para o uso das TICs e sua futura aplicação nas escolas indígena nas quais eles atuam. Outras informações podem ser obtidas neste link.
* Narrativas em áudio de alunos da EJA. Trata-se do projeto “Minha escola de Vida: narrativas em áudio de alunos da EJA” realizado na Escola Municipal Presidente João Goulart no bairro de Santa Etelvina. O projeto foi realizado pelos mestrandos George Souza, Inalda de Lima e Laís Vilhena e resultou em emocionantes narrativas em áudio  de dois alunos da EJA.
* Interpretação de Imagens de Radares Orbitais para Diagnóstico de Problemas Ambientais. Trabalho desenvolvido pelo mestrando Jean Dias e resultou no oferecimento do minicurso “Diagnóstico Ambiental por Meio de Imagens de Radar” para estudantes e profissionais da área de Meio Ambiente (Engenharia Ambiental, Engenharia Florestal, Tecnologia em Meio Ambiente, entre outros).  No curso, o público aprendeu técnicas de sensoriamento remoto e uma metodologia para análise e interpretação de imagens de radares orbitais utilizando a plataforma SNAP. Outras informações podem ser obtidas aqui.
* Produtos Educacionais em Mestrados Profissionais. Trabalho desenvolvido pelas mestrandas  Carolina Oliveira,  Gilmara Maquiné e Carmen Gonçalves
e que teve por objetivo promover uma reflexão sobre (alguns) desafios para os produtos educacionais nos Mestrados Profissionais, tendo como referência alguns produtos de abrangência nacional e internacional. O trabalho foi implementado na forma de Colóquios e teve como público alvo professores e estudantes de mestrados profissionais, assim como estudantes de Licenciatura. A análise dos produtos educacionais podem ser visualizados aqui.
A mostra contou com a presença de professores e estudantes das licenciaturas, especialização e mestrados do IFAM. Destacamos também a presença das Professoras Maria Lúcia da Silva (coordenadora do telecentro), Eucidete de Lacerda e da aluna Maria Antônia Rabelo, ambas da escola municipal Presidente João Goulart.