SETA traz Anna Penido

Diretora do Instituto Inspirare e empreendedora social participa do Simpósio em Ensino Tecnológico (SETA 2017), no Instituto Federal do Amazonas.

O Professor no Século XXI. É partir desse tema que Anna Penido traz suas contribuições a Manaus, no dia 29 (sexta), durante o Simpósio em Ensino Tecnológico (SETA 2017).  A jornalista tem se dedicado a discutir questões relacionadas ao ensino, entre elas a ‘Educação Integral Inovadora”, proposta defendida pelo Instituto Inspirare, onde atua como diretora executiva. Esse pensamento tem como principais propósitos a promoção do desenvolvimento do aluno em todas as suas dimensões, considerando as demandas do mundo contemporâneo, bem com o perfil e interesses das crianças, adolescentes e jovens do século 21.

É a partir desse olhar que diversas discussões e contribuições serão geradas durante o SETA 2017. O evento é promovido pelo Curso de Mestrado Profissional em Ensino Tecnológico (MPET) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (IFAM), e busca reunir pesquisadores, professores da educação básica, técnica e tecnológica, assim como estudantes de graduação e pós-graduação.

A programação inicia na quinta-feira (28), com a palestra do professor e filósofo Evandro Ghedin, doutor em Educação pela Universidade de São Paulo e importante pesquisador nas áreas de Ciências Humanas e Educação. Durante os dois dias, também acontecerão oficinas, apresentação de trabalhos e atividades culturais.

O Simpósio será realizado de 8h00 às 18h00, no IFAM – Campus Manaus Centro, localizado na Av. Sete de Setembro, 1975 – Centro. A programação completa e mais detalhes sobre o evento podem ser acessados por meio do site: http://mpet.ifam.edu.br/wp_seta.

 

Anna Penido: Jornalista formada pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), com especialização em Direitos Humanos pela Universidade de Columbia (Nova York) e em Gestão Social para o Desenvolvimento pela UFBa. Em 2011, participou do programa Advanced Leadership Initiative da Universidade de Harvard, que forma líderes para o desenvolvimento de iniciativas sociais de alto impacto. Como repórter, trabalhou no jornal Correio da Bahia e realizou reportagens para as revistas Veja Bahia e Vogue, entre outras. Atuando na área social desde 1989, integrou as equipes da Fundação Odebrecht e do Liceu de Artes e Ofícios da Bahia. De 1999 a 2007, fundou e dirigiu a CIPÓ – Comunicação Interativa, passando, desde então, a integrar seu Conselho Diretivo. De 2007 a 2010, coordenou o escritório do UNICEF para os Estados de São Paulo e Minas Gerais, tendo contribuído com a criação e implantação da Plataforma dos Centros Urbanos. Como reconhecimento pelo seu trabalho, Anna Penido tornou-se fellow da Ashoka Empreendedores Sociais em 2001 e líder Avina em 2002. Também foi diplomada como Líder Social pela Gazeta Mercantil, Instituto Ethos e Ashoka em 2003 e foi finalista do Prêmio Cláudia em 2005. Atualmente, é diretora executiva do Inspirare, que busca inspirar políticas, programas e investimentos que ampliem a qualidade da educação no Brasil.